Página Inicial

Siga-nos:

19.11.2018

Opinião

"Uma cidade que gera um jogador fantástico como o GRANDE LEONARDO só pode ser uma cidade muito especial! OBRIGADO POR TUDO, PICOS! PERNAMBUCO JAMAIS ESQUECERÁ O FILHO DE VOCÊS! LEONARDO MARCOU ÉPOCA NO BRASIL INTEIRO! "


De: Sergio Silva em Recife, 04/03/2016 11:30:14h

[ Veja mais ]

Você está lendo a coluna: Brasil

ECONOMIA

Brasil gera quase 400 mil empregos no 1º semestre de 2018

Dos oito setores da economia, sete tiveram saldo positivo nos primeiros seis meses deste ano

Agência Brasil  

14/09/2018

Foto: reprodução

clique para ver a foto em tamanho real

Desemprego cai no páis no primeiro semestre.

O saldo de empregos com carteira assinada gerados no primeiro semestre deste ano foi de 392 mil em todo o país, um valor 452,37% superior ao mesmo período de 2017, quando foram criados 71 mil novas vagas. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados ontem (13) pelo Ministério do Trabalho. Com esse resultado, na comparação entre os primeiros seis meses de cada ano, em 2018 foram criadas 321 mil vagas a mais do que no ano anterior.

 

Dos oito setores da economia, sete tiveram saldo positivo nos primeiros seis meses deste ano. O melhor desempenho foi no segmento de serviços, que chegou ao final do primeiro semestre com 279.130 postos de trabalho criados, seguido pela indústria de transformação, que gerou 75.726 vagas, e a agropecuária, que gerou 70.334 empregos novos. Já o comércio fechou 94.839 postos de trabalho com carteira assinada.

 

A taxa de desemprego, segundo a mais recente Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), divulgada em agosto pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), abrange 12,3% da população economicamente ativa, volume 0,6% menor do que o apurado em março. O número representa um contingente de 12,9 milhões de pessoas sem trabalho no país.

 

Jovens empregados


Em uma análise por faixa etária, o levantamento mostra que a maior parte dos empregos gerados no primeiro semestre desse ano (104 mil) inclui jovens entre 18 e 24 anos. Houve também uma reversão no fechamento de vagas nas faixas etárias entre 25 a 29 anos e de 30 a 39 anos. Enquanto na primeira metade do ano passado esses dois grupos perderam 66 mil vagas de emprego, neste ano já foram abertas, nessas duas faixas, 46,3 mil novos postos de trabalho.

 

Por outro lado, continuaram sendo fechadas vagas para trabalhadores nas faixas de 40 a 49 anos (-16,2 mil), 50 a 64 anos (-122,1 mil) e acima de 64 (-29,6 mil), mas em ritmo menor do que no primeiro semestre de 2017, quando essas três faixas etárias viram o fechamento de 266,4 mil postos de trabalho com carteira assinada em todo o país.

 

Escolaridade

Dos 394 mil empregos gerados na primeira metade deste ano, 266 mil foram para trabalhadores com ensino médio completo, seguido de 166 mil para quem tem ensino superior completo, 26,4 mil para quem tem ensino superior incompleto e 6,6 mil vagas para quem tem ensino médio incompleto. Não houve abertura de novas vagas para trabalhadores com escolaridade inferior a essas.

 

Entre os empregos para quem tem ensino médio completo e incompleto, os que absorveram a maior parte das vagas foram alimentador de linha de produção (49 mil), faxineiro (32,3 mil) e auxiliar de escritório (24,2 mil). Para quem tem ensino superior completo ou incompleto, a maior parte das vagas foram como auxiliar de escritório (17 mil) e assistente administrativo (14,5 mil). 

.:: ComentarCorrigirEnviar por e-mailImprimir ::.

Comentários desta matéria:

Não há comentários para a matéria no momento.

Outras desta mesma coluna:

01-11-2018 :: Moro aceita convite de Bolsonaro para ser ministro da Justiça

30-10-2018 :: Campanha de Haddad gastou 14 vezes mais do que a de Bolsonaro

29-10-2018 :: No bunker do PT clima de velório e declarações de guerra

29-10-2018 :: João Dória vence eleição em São Paulo

28-10-2018 :: Haddad vota em escola de São Paulo ao lado da mulher

28-10-2018 :: Bolsonaro vota no Rio de Janeiro com segurança reforçada

27-10-2018 :: Rosa Weber é relatora de inquérito contra Ciro Nogueira no STF

25-10-2018 :: Pesquisa mostra Bolsonaro com 56% e Haddad 44%

21-10-2018 :: Atos pró-Bolsonaro são realizados em várias cidades do país

18-10-2018 :: Bolsonaro ignora Ciro Nogueira e escolhe Elmano como aliado

16-10-2018 :: Jornalista Gil Gomes morre aos 78 anos em São Paulo

15-10-2018 :: Pesquisa BTG Pacutal mostra Bolsonaro com 59% e Haddad 41%

14-10-2018 :: Temer e aliados comemoram derrota de Dilma para Senado

13-10-2018 :: Bancada sindical perde representação na Câmara Federal

13-10-2018 :: Na estreia do horário eleitoral Bolsonaro ataca PT e Haddad ignora Lula

[ Todas desta coluna ]

marquês frios - marquês frios edilson madereira - edilson madereira Prefeitura Municipal de Picos - Prefeitura Municipal de Picos - Site Oficial Clínica Picoense  - Clínicas picoensw Colégio Machado de Assis  - Machado de Assis dr.bezerrinha - dr.bezerrinha aaaa chaguinha - aaaa chaguinha edilson constutora  - edilson constutora

© 2009 - Jornal de Picos - Todos os direitos reservados - E-mail: contato@jornaldepicos.com.br

Somente os artigos não assinados são de responsabilidade deste portal. Os demais, não representam necessariamente a opinião desta editoria e são de inteira responsabilidade de seus autores.