Página Inicial

Siga-nos:

19.6.2019

Opinião

"Uma cidade que gera um jogador fantástico como o GRANDE LEONARDO só pode ser uma cidade muito especial! OBRIGADO POR TUDO, PICOS! PERNAMBUCO JAMAIS ESQUECERÁ O FILHO DE VOCÊS! LEONARDO MARCOU ÉPOCA NO BRASIL INTEIRO! "


De: Sergio Silva em Recife, 04/03/2016 11:30:14h

[ Veja mais ]

Você está lendo a coluna: Brasil

DESRESPEITO

Gasolina despenca nas refinarias e preço resiste nas bombas

Apesar das constantes quedas do preço nas refinarias, consumidores não percebem redução nos postos

Estadão Conteúdo  

27/11/2018

Foto: reprodução

clique para ver a foto em tamanho real

Preços nas bombas não cai apesar da redução nas refinarias.

O preço da gasolina comum despencou nas refinarias, mas só tropeçou nas bombas. Desde setembro, o combustível na usina caiu 31% (sem impostos) e atingiu o nível mais baixo desde julho. No posto, porém, a gasolina ficou só 1,75% mais barata em todo o País, no mesmo período.

 

Na última semana, a Petrobras divulgou que a gasolina nas refinarias estava em R$ 1,5556 - em comparação a R$ 2,2514 na segunda quinzena de setembro. No mesmo período, dados da Agência Nacional de Petróleo (ANP) mostram que o preço médio da gasolina na bomba caiu de R$ 4,696 para R$ 4,614.

 

Em setembro, os preços foram afetados pela alta do petróleo no exterior e a desvalorização do real em relação ao dólar, e o combustível atingiu um pico de preço. Em alguns postos de São Paulo, a gasolina chegou a custar acima de R$ 5 o litro.

 

Agora, as sucessivas quedas dos preços dos combustíveis pela Petrobras refletem o recuo no preço internacional do petróleo. O preço da gasolina no exterior, caiu 15,3% nos últimos 30 dias, aponta a consultoria Rosenberg e Associados.

 

A queda mais lenta nos preços pagos pelo consumidor é explicada pelos altos impostos que incidem sobre o combustível, diz o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados do Petróleo do Estado de São Paulo (Sincopetro), José Alberto Gouveia. "Quase metade do preço na bomba é imposto. O preço de refinaria, que a Petrobras divulga, acaba sendo distorcido pelo que incide sobre o combustível." 

 

O setor argumenta que, na época em que a gasolina subiu na refinaria, ele não repassou essa alta para o consumidor e absorveu parte do aumento. Mas o aumento que deixou de ser repassado ao consumidor foi menor que a diferença entre o preço de refinaria e o de bomba agora. De julho a setembro, a gasolina subiu 14% na refinaria e 4% no posto, diferença de dez pontos porcentuais. Agora, essa diferença é de quase 30. 

 

Mesmo assim, o empresário Fábio Caldeira, de 38 anos, comemora a queda nos preços. "Gasto R$ 2 mil por mês com combustível e qualquer desconto faz diferença." Ele diz acreditar que o preço já poderia estar abaixo de R$ 4 na maioria dos postos. "Havia muita incerteza antes da eleição. Acho que pode cair mais agora " 

 

Os postos também dizem que o consumidor deve perceber a redução maior aos poucos, conforme o combustível comprado no preço antigo for sendo substituído nas bombas.

 

Para o economista Fábio Silveira, da MacroSector, as empresas querem aumentar a margem de lucro. "Por mais que o preço antes de chegar na bomba não se compare ao preço final, a diferença é muito alta." 

 

Ele avalia que a queda nos preços para o consumidor não deve ter impacto na inflação agora. "Nos próximos quatro meses, os preços nos postos devem cair mais e, assim, ajudar na inflação do ano que vem." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

.:: ComentarCorrigirEnviar por e-mailImprimir ::.

Comentários desta matéria:

Não há comentários para a matéria no momento.

Outras desta mesma coluna:

17-06-2019 :: Deputados abortaram a nova Previdência”, diz ministro Paulo Guedes

17-06-2019 :: Governo acaba com obrigatoriedade de simulador para tirar carteira

05-06-2019 :: STJ determina que João de Deus, no hospital desde março, volte à prisão

13-05-2019 :: Stefhany Absoluta mais uma vez passa vergonha no Programa Silvio Santos

09-05-2019 :: Determina que Michel Temer e Coronel Lima voltem à prisão

26-04-2019 :: *Percentual de presos estudando no Piauí é o maior do Brasil

22-04-2019 :: Eventos do setor elétrico terão investimento de 1,5 mi de reais da Eletrobrás

14-03-2019 :: Piauienses nascidos em maio e junho têm R$ 28,6 mi para receber do PIS

13-03-2019 :: CPF vira documento único para acessar informações e benefícios do governo

16-02-2019 :: Proposta classifica nepotismo como improbidade administrativa

13-02-2019 :: Atriz e cantora Bibi Ferreira morre aos 96 anos

13-02-2019 :: Casal Ciro e Iracema já recebeu R$ 555 mil de auxílio-moradia

11-02-2019 :: Jornalista Ricardo Boechat morre em queda de helicóptero

06-02-2019 :: Juíza condena Lula a 12 anos e 11 meses de prisão

06-02-2019 :: CNJ afasta juiz acusado de assédio sexual

[ Todas desta coluna ]

Alencauto - alencauto marquês frios - marquês frios breno - breno lamep - lamep

© 2009 - Jornal de Picos - Todos os direitos reservados - E-mail: contato@jornaldepicos.com.br

Somente os artigos não assinados são de responsabilidade deste portal. Os demais, não representam necessariamente a opinião desta editoria e são de inteira responsabilidade de seus autores.