Página Inicial

Siga-nos:

16.7.2019

Opinião

"Uma cidade que gera um jogador fantástico como o GRANDE LEONARDO só pode ser uma cidade muito especial! OBRIGADO POR TUDO, PICOS! PERNAMBUCO JAMAIS ESQUECERÁ O FILHO DE VOCÊS! LEONARDO MARCOU ÉPOCA NO BRASIL INTEIRO! "


De: Sergio Silva em Recife, 04/03/2016 11:30:14h

[ Veja mais ]

Você está lendo a coluna: Polícia

Senado

Comissão no Senado vai analisar fim das cotas para mulheres na política

.

09/04/2019

.

clique para ver a foto em tamanho real

.

O fim das cotas para mulheres na política está na pauta da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). Em reunião marcada para quarta-feira (10), os senadores devem discutir o Projeto de Lei 1.256/2019, que revoga a reserva de 30% de vagas a um mesmo sexo nas candidaturas proporcionais. O texto tem sido motivo de polêmica e tem parecer pela rejeição. O relatório do senador Fabiano Contarato (Rede-ES), contrário ao projeto, do, foi lido na última quarta-feira (2). A discussão, no entanto, acabou sendo adiada a pedido do autor, senador Angelo Coronel (PSD-BA), que estava hospitalizado. O debate será retomado na próxima quarta-feira (10) e o texto será o primeiro item da pauta. Angelo Coronel justifica como motivação para o fim das cotas as denúncias de que alguns partidos compelem mulheres a entrar no processo eleitoral apenas para assegurar o percentual mínimo exigido de 30% de candidaturas femininas. Seriam “candidaturas-laranja”, ou seja, não haveria investimento real para que as candidatas fossem eleitas. Para Contarato, apesar da boa intenção de evitar fraudes, o projeto atenta contra a mais importante conquista das mulheres desde o direito ao voto, estabelecido em 1932. Segundo o parlamentar, cota é ação afirmativa, já foi declarada constitucional pelo Supremo Tribunal Federal. Como contraponto ao texto, Contarato anunciou já ter apresentado proposta que torna paritária a distribuição das candidaturas, elevando o percentual mínimo para 50%. Pauta feminina A pauta da comissão também tem projetos da agenda feminina, como o PLS 288/2018, da ex-senadora Vanessa Grazziotin, que determina que a Justiça poderá impor o uso de monitoração eletrônica como forma de assegurar o respeito ao limite mínimo de distância entre a ofendida e o agressor. Os outro textos da pauta feminina são o PLS 137/2018, do senador Humberto Costa (PT-PE), que prevê a concessão de medidas protetivas em caráter de emergência a mulheres, crianças, idosos e pessoas com deficiência que sejam vítimas de violência; e o PLS 191/2017, do ex-senador Jorge Viana, que estende a Lei Maria da Penha à proteção de mulheres transgêneros e transexuais. Fonte: Agência Senado

.:: ComentarCorrigirEnviar por e-mailImprimir ::.

Comentários desta matéria:

Não há comentários para a matéria no momento.

Outras desta mesma coluna:

16-07-2019 :: Homem assassina o próprio irmão a facadas

12-07-2019 :: Pai de santo é encontrado morto em matagal de Parnaíba

12-07-2019 :: Corpos carbonizados são encontrados dentro de veículo em Acauã

11-07-2019 :: PRF apreende R$ 15 mil em semijoias

10-07-2019 :: Motorista apresenta documento falso e é preso pela PRF

08-07-2019 :: Locutor suspeito de esfaquear esposa é achado morto em Betânia do Piauí

05-07-2019 :: mulher é assassinada pelo marido com tiro no rosto enquanto dormia

03-07-2019 :: Clonagem do WhatsApp faz vítimas na região de Picos

01-07-2019 :: W.Dias assina pacto contra burocracia entre público, privado e terceiro setor hoje

01-07-2019 :: Homem é preso acusado de roubar 20 sacos de cimento em Picos

19-06-2019 :: Fiscais da Cepisa são presos suspeitos de furto de energia

18-06-2019 :: Homem é detido suspeito de vender medicamentos falsos em Paulistana

10-06-2019 :: Corpo de mulher é encontrado enterrado no quintal de casa em cidade do PI

05-06-2019 :: Mulher morta com perfurações no rosto é encontrada pela mãe no povoado Fujona em São Julião-PI

31-05-2019 :: Alexandre Frota pede saída de Eduardo Bolsonaro da presidência do PSL paulista

[ Todas desta coluna ]

marquês frios - marquês frios procords - procordis Alencauto - alencauto lamep - lamep disnomed - disnomed Gutenberg - gutenberg

© 2009 - Jornal de Picos - Todos os direitos reservados - E-mail: contato@jornaldepicos.com.br

Somente os artigos não assinados são de responsabilidade deste portal. Os demais, não representam necessariamente a opinião desta editoria e são de inteira responsabilidade de seus autores.