Logo

Prisão

Prefeito de Picos é preso após tentar obstruir procissão católica

Aparentando estar em estado de embriaguez o prefeito Gil Paraibano recebeu voz de prisão por desacato a autoridade

FCS  

22/04/2011

O prefeito municipal de Picos, Gil Marques de Medeiros, volta ao centro de mais uma polêmica local, desta vez o mesmo acabou sendo preso ao confrontar uma autoridade policial ao ser abordado em nítido estado de embriaguez.

 

 

Prefeito Municipal de Picos se envolve em nova polêmica

 

O caso que acabou com a prisão do chefe do poder executivo municipal foi registrado na tarde desta sexta-feira (22), por volta das 17h30, durante a procissão do senhor morto, realizado tradicionalmente pela igreja católica onde vários fieis percorrem diversas ruas do centro da cidade.

Durante o ocorrido a procissão seguia caminho pelas principais ruas do centro quando em determinada parte do trajeto, no final da Travessa Benedito Reinaldo e começo da praça Justino Luz, o prefeito com um de seus veículos tentou obstruir a procissão, se recusando a dar passagem aos fieis. O gestor municipal foi alertado por policiais que argumentaram com o mesmo sobre a impossibilidade de circular com o veículo em meio a procissão, o mesmo foi abordado pelo sargento PM Genesiano. Ignorando a tentativa de dialogo Gil Paraibano chegou a confrontar a autoridade policial em tom ríspido e exaltado, momento em que aparentava estado de embriaguez.

 

 

 

 Em nítido estado em embriaguez Gil Paraibano tentou obstruir a "procissão do Senhor Morto"

 

Após discutir com as autoridades militares o prefeito Gil Paraibano recebeu voz de prisão por desacato a autoridade e foi conduzido logo em seguida a delegacia onde atualmente funcionam os 1º e 2º DPs da cidade, localizada atrás do PREMEM.

O gestor Gil Marques de Medeiros permaneceu detido até as 20h desta sexta-feira (22), quando foi liberado pela policia após prestar depoimento juntamente com o policial que afirma ter sido desacatado, também  foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). A equipe do JPonline flagrou o momento de soltura do chefe do executivo municipal.
 

Gil Paraibano ficou detido até as 20h desta sexta-feira (22)

 

Ao ser soltou o prefeito estava acompanhado do advogado e procurador jurídico da prefeitura municipal de Picos, Agrimar Rodrigues, assim como de alguns parentes próximos, funcionários da prefeitura e seguranças particulares. A policia confirma que o caso ainda está sob investigação.

 

 

 

Equipe do JPonline flagra momento de soltura do prefeito Gil Paraibano

 

 

Gil conversa com funcionarios e parentes ao sair de delegacia

  

Leia Mais:
 
 
 
 

 

 


© 2009 Jornal de Picos — Todos os direitos reservados. E-mail: jornaldepicos@jornaldepicos.com.br